Postado em 12 de Abril às 16h08

Como estúdios de tatuagem devem gerenciar seus resíduos

Saúde (16)Meio Ambiente (40)

Empreendimentos também são geradores de resíduos de serviços de saúde.

A manipulação dos resíduos perfurocortantes com agentes biológicos pode causar acidentes, levando à contaminação da população, caso os Resíduos de Serviços de Saúde (RSS) estejam mal acondicionados e tenham um destino final inadequado. Os estúdios de tatuagem, por exemplo, são locais que devem seguir as normas de higiene e segurança exigidas no manuseio dos resíduos.

Servioeste - Soluções Ambientais para Resíduos de Saúde O descarte do material residual do processo de tatuagem deve seguir as normas da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), da mesma forma que o descarte de...

O descarte do material residual do processo de tatuagem deve seguir as normas da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), da mesma forma que o descarte de materiais dos hospitais e clínicas médicas. Isso porque, tanto as agulhas quanto as luvas e tintas, acabam contendo resíduos de sangue e apresentam, portanto, potencial de contaminação aos profissionais envolvidos no recolhimento do lixo e ao meio ambiente.

“Assim como em estabelecimentos de saúde, os estúdios de tatuagem também precisam segregar e acondicionar seus resíduos conforme a periculosidade que eles apresentam, para que o destino final seja o correto. Geralmente são resíduos do Grupo A (potencialmente infectantes, com presença de agentes biológicos), Grupo B (tintas) e do Grupo E (perfurocortantes, como agulhas e seringas)”, explica a engenheira ambiental do Grupo Servioeste, Caroline Beutler.

Veja também

Uso de agrotóxicos subiu 162% em 12 anos, diz pesquisa30/04/15 O setor agrícola brasileiro comprou, no ano de 2012, 823.226 toneladas de agrotóxicos, sendo que muitos deles são proibidos em outros países. De 2000 a 2012, o aumento em toneladas compradas foi 162,32%. Os dados estão no Dossiê Abrasco – Um Alerta sobre os Impactos dos Agrotóxicos na Saúde, lançado no dia 28 pela Associação Brasileira......
Desmatamento na Amazônia subiu 195% em março, diz ONG24/04/15    O desmatamento da Amazônia Legal foi de 58 km² em março de 2015, um aumento de 195% em relação ao mesmo mês no ano anterior, quando foram derrubados 20 km² de florestas. Os dados são do......

Voltar para Blog