Postado em 17 de Outubro de 2019 às 15h40

Servioeste capacita servidores do Hospital Paraná

Meio Ambiente (75)Saúde (30)

Treinamento em Maringá pautou a destinação correta de resíduos de serviço de saúde

Como deve ser feita a segregação dos resíduos gerados nas unidades de saúde? Depois de separados corretamente, de que forma devem ser acondicionados para não comprometer e para facilitar o trabalho de coleta, tratamento e destinação final dos materiais recolhidos? Estes foram os temas abordados no treinamento da Servioeste concedido a 50 servidores do Hospital Paraná, em Maringá, nesta quinta-feira, 17.

Os servidores de diversos departamentos aprenderam o passo a passo do tratamento de resíduos de saúde feito pela Servioeste, desde a coleta do material, passando pelo transporte em caminhões licenciados, até os processos de tratamento – incineração, autoclavagem e tratamento de gases – e disposição final em aterros sanitários.

De acordo com a Engenheira Ambiental e Sanitária da Servioeste em Maringá, Letícia Sussai Manzano, a capacitação é importante, já que todo o processo de tratamento inicia na segregação dos resíduos, hoje, maior gargalo do setor.

“Os treinamentos aumentam a eficácia dos serviços da empresa, ampliando o conhecimento dos clientes sobre segregação, tratamento e disposição final dos resíduos, até porque todos geram resíduos em seus processos de trabalho e têm a responsabilidade de evitar que eles causem impacto ambiental e na saúde pública”.

Grupo Servioeste

Além da coleta, transporte, tratamento e destinação final dos resíduos de saúde, o Grupo Servioeste também gerencia centrais de portos e aeroportos, elabora Planos de Gerenciamento de Resíduos, oferece treinamentos e assessoria em licenciamento e projetos ambientas. Também, comercializa produtos para o acondicionamento dos resíduos.

A empresa ainda coleta, transporta, trata e destina resíduos de cemitérios e oferece o serviço de destruição segura de documentos.

A Servioeste é a única empresa no Brasil que possui coleta informatizada com controle online permanente e acompanhamento em tempo real, na qual são lançados os tipos e a quantidade dos resíduos coletados, garantindo a segurança dos clientes.

Também possui frota certificada e licenciada pelos órgãos fiscalizadores de acordo com as Normas Técnicas da ABNT e INMETRO, além de monitoramento e rastreamento 24 horas via satélite, bem como seguro ambiental.

Veja também

Cuidados ao descartar agulhas e resíduos perfurocortantes18/04/18Assim como os demais resíduos de saúde, os que apresentam riscos de cortes e perfurações devem ser acondicionados corretamente para evitar contaminação. Não é incomum encontrar objetos perigosos, como seringas com agulhas, descartados de maneira incorreta, em sacos plásticos e sem a devida identificação. Prática que pode acarretar em danos para a saúde dos seres humanos que precisam manusear esses resíduos. “O conhecimento das práticas de gerenciamento de resíduos de serviços de......
Servioeste coleta medicamentos em feiras e eventos11/06/19 Ações em Santa Catarina e Rio de Janeiro orientam população para o descarte correto de remédios vencidos  Na primeira semana de junho, quando o mundo todo comemora a Semana do Meio Ambiente, o Grupo Servioeste......
Salões de beleza também geram resíduos de saúde15/05/19Lâminas de barbear, agulhas de micropigmentação e produtos químicos utilizados no salão de beleza precisam de descarte consciente A cada ano a produção de resíduos aumenta. São aterros e lixões que recebem enormes quantidades de resíduos descartados, transformando o espaço em uma grande montanha de restos. No meio destes resíduos......

Voltar para Blog